Saiba como aplicar Storytelling na Copy para vender mais

Saiba como aplicar Storytelling na Copy para vender mais - Copywriter anotando ideias em uma folha de papel

Compartilhe:

Contar histórias emocionantes é uma das formas de gerar conexão com as pessoas. Mas você sabe como usar Storytelling na Copy para fazer as pessoas implorar para comprar de você? 

O objetivo desse conteúdo é mostrar como você pode usar histórias para impactar, conectar e converter.

Você sairá daqui preparado para aplicar Storytelling nas Copies de:

Vamos ao que interessa?

Onde usar Storytelling na Copy

Anúncios de captura

Aplicar Storytelling nos anúncios de captura é muito eficaz quando você quer fazer com que o público se identifique com algum personagem e queira alcançar a mesma transformação que ele.

Para fazer isso, você pode contar uma breve história de um cliente que sofria com um determinado problema e como a vida dessa pessoa foi transformada após encontrar a solução (o seu produto) para esse problema.

Em seguida, basta caprichar na CTA e levar a pessoa para a página de captura de leads.

Páginas de captura

Outra possibilidade de usar Storytelling na Copy da página de captura é contar uma história sobre algo que aumente a sua autoridade – ou do seu cliente.

Se a página de captura é para um evento online, fale sobre:

  • Qual é a sua missão com o evento;
  • Porque você está ensinando aquilo;
  • Porque você quer que a pessoa se inscreva. 

Veja no exemplo a seguir da página da Jornada Profissão Copywriter como contar uma mini-história em uma página de captura:

Como usar Storytelling na Copy das páginas de captura - Exemplo da página de captura da Jornada Profissão Copywriter.

Email Marketing

Existem algumas formas de aplicar Storytelling na Copy dos Emails. 

Assim como nos anúncios de captura, você pode contar histórias de clientes que alcançaram algum tipo de resultado através da solução que o seu produto oferece. 

Ou você pode contar uma história pessoal de superação. Algum obstáculo que você conseguiu superar para conquistar algo que a sua persona também deseja.

Usar Storytelling nos emails é ótimo porque além de fazer com que as pessoas desenvolvam uma conexão com a sua marca, você “vende” sem parecer que está vendendo.

Quer ver mais um exemplo?

Como usar Storytelling na Copy do Email Marketing - Print do email da Copywriter Roberta Santos com técnicas de Storytelling.

Página de vendas

As páginas de vendas não costumam ter tanta história, isso é mais comum em cartas de vendas.

Mas você pode usar elementos de Storytelling na seção “Sobre mim”, com o objetivo de aumentar a autoridade do seu cliente – ou da empresa para qual está escrevendo.

Vídeo de vendas

Se não conseguir encaixar Storytelling na página de vendas, outra opção é usar esse recurso em um trechinho do vídeo de vendas para que as pessoas se conectem ainda mais com você.

Conte sobre o caminho que trilhou até encontrar a solução do problema – que é o produto que você vai vender.

Fale sobre as pessoas que você já ajudou – para aumentar a sua autoridade. Se mostre como a persona transformada e mencione os desafios que superou. 

Anúncios de vendas

Conte histórias curtinhas nos anúncios de vendas – escritos ou em vídeo. 

Além das fórmulas de Storytelling, você pode se basear no “modelo Pixar” para criar narrativas enxutas e impactantes para os seus anúncios: 

  1. Apresente um personagem que tem um problema;
  2. Diga como foi o encontro com o mentor que o ajudou a solucionar o problema;
  3. Finalize com o elixir – a solução para o problema.

Posts nas redes sociais

Usar Storytelling nos posts de redes sociais é uma das formas mais eficientes para sobreviver na batalha contra o engajamento no Instagram.

Por outro lado, é muito importante contar histórias nos posts ou stories para:

  1. Entreter as pessoas que já te conhecem;
  2. Se apresentar e gerar conexão imediata com seguidores novos.

Contar histórias nos posts de redes sociais vão contribuir para que o seu público entenda rapidamente:

  • Quem é você;
  • O que você faz;
  • Quais obstáculos você superou;
  • Como você pode ajudá-los a conseguir o mesmo.

CPL – Conteúdo Pré-Lançamento

Por fim, mas não menos importante, você pode aplicar Storytelling na Copy dos Conteúdos Pré-Lançamento – caso você use essa estratégia de vendas.

Apenas tome cuidado para não ficar falando sobre você por meia hora e não passar nenhum conteúdo. 

Em geral, as pessoas não gostam disso, então é melhor ir direto ao ponto. 

Outro detalhe importante é que o objetivo das histórias na CPL não é falar sobre você. 

As histórias que você for contar precisam gerar conexão com as pessoas. Precisam ser narrativas em que você consiga parar e perguntar:

  • Você também passa por isso? 
  • Isso também acontece com você? 
  • Essa situação, ela é comum no seu dia a dia?

Faz sentido para você?

Se você gostou do que leu aqui e quer receber mais conteúdos como este, faça parte do canal exclusivo de Copywriting no Telegram.

Por lá você terá acesso as melhores estratégias utilizadas por Copywriters de sucesso – valorizados e bem remunerados no mercado.

Índice

Inscreva-se em Nosso Blog

O segredo dos nossos bastidores revelados na sua caixa de entrada. É conteúdo de mentoria, só que de graça.

Conteúdo 
Relacionado